13 abril 2014

Talvez esse seja o meu ano

Ou: Um post muito informativo sobre coisas que mudarão sua vida.


Deixa eu contar uma coisa a vocês: ando mais controlada!!! (Em certos aspectos da vida, que não incluem minha reação ao ouvir a trilha sonora do filme mais esperado - e ao mesmo tempo nem tão esperado assim, porque to apreensiva- do ano, por essa pessoa que vos fala). Acho que voltar pra psicóloga ta me fazendo um bem, cês nem sabem. TO ATÉ MEDITANDO. (Embora eu ainda não tenha entendido exatamente como isso funciona, já que não consigo ficar sem pensar nada). Mas, fora isso, gritar uns bons "RÁ" ta me fazendo um bem danado, acho que por isso estou me sentindo um pouco diferente da beatriz que normalmente mostro por aqui. Porque, venhamos e convenhamos, sou uma chata de galocha reclamando dos meus "problemas" sempre. Nem eu me aguento mais. Enfim, estou aqui pra dizer a vocês como, contrariando janeiro, esse mês de março e abril estão sendo i-n-c-r-í-v-e-i-s (fora a notícia da ufpe adotando o enemaldito).

Gostaria de dizer a vocês que vou ser menos pirangueira. Nova resolução pra esse ano, porque decidi tomar vergonha na cara e comprar os dvds dos meus filmes queridos. Estava eu, um dia desses, em minha busca interminável por um filme pra assistir, assim como estou agora, quando decidi assistir novamente, pela milionésima vez, "sexo sem compromisso" e, como sempre, tive a mesma reação de quando assisti pela primeira vez. Sorriso de um canto a outro, felicidade suprema e vontade de abraçar o computador de tanta felicidade por tê-lo baixado e poder assisti-lo agora sempre que quiser (A netflix está frescando com a minha cara e não ta pegando direito, por isso o baixei). E agora eu me pergunto como não tive essa ideia genial de comprar o dvd antes, porque né, meu coração nunca vai cansar de doses tão identificáveis de amorzinho. Pausa para colocar "no strings attached" no weheartit e morrer de amores.


COMASSIM, GENTE??? MORTA

Embora todas minhas neuras torçam contra, estou conseguindo estudar direitinho. E estou, preparem-se pra tamanha informação, amando estudar física. Já fiz mais de 200 questões só dela, a maravilhosa, esse mês, acreditem se quiserem. Só preciso encaixar na minha vida as outras matérias que não são minhas específicas, principalmente matemática que eu costumava amar, mas agora odeio com todas minhas forças. (E ainda tem gente que não acredita que as pessoas podem mudar, que que isso). Além disso, minha vida financeira deu uma leve melhorada, ou seja, livros novos, roupas novas, comida, bolsas e débitos infinitos. Ó gente como é bom comprar coisas, to começando a virar uma consumista compulsiva. E isso tudo se deve à Yeda, que disse que trabalhar e ganhar meu próprio dinheiro era imprescindível pra minha auto-confiança, então to "trabalhando" alguns dias que não atrapalham totalmente meus estudos.

Comprei duas saias longas e ó vida maravilhosa essa a de andar com saia. Sério mesmo. Já viraram farda, to precisando comprar mais algumas, porque to viciada. Se eu pudesse, só saía com elas agora. Me sinto uma mulher com vinte anos, e isso é maravilhoso já que nunca consigo acreditar que tenho 18 anos e já sou "dona" do meu próprio nariz. Falando nisso, to ficando tão independente que já tenho cartão de crédito!!! (To falando a vocês que to virando uma consumista, jaja to no spc serasa e to doida igual a Becky Bloom). Embora, claro, eu não seja a titular do cartão, já que legalmente não tenho nada na minha vida, nem faculdade nem nada, ou seja, sou uma sem facção pra esse povo de cartão. Mas me esperem quando eu entrar em medicina!!!!!!!! VOU ESCRACHAR

To escrevendo mais no meu diário, já que amo a ideia de ter 30 anos e poder ler tudo que passei e como era exatamente nessa minha época. E to amaaaando escrever pra minha eu do futuro, sério, fico conversando com ela, isso é tão louco, vocês deviam tentar. Estava querendo um celular novo, mas como disse antes, sou pirangueira demais pra gastar mais de 100 reais num celular, por isso nunca comprei um. É aí que de repente eu ganho um!! GENIAL, adoro esse mundo. (Segundo Yeda, quando a gente joga pro universo, ele devolve o que jogamos, ou seja, to fazendo alguma coisa boa heinn).

Em uma aula super chata sobre mitose e meiose em que eu já estava quase caindo da cadeira de tanto sono, meu querido professor resolve, do nada, me dar de presente uma aula sobre reprodução que, pasmem, é de longe meu assunto preferido. Morri nesse momento. Beijo pra ele que entrou na minha sintonia e conseguiu ler meus pensamentos (Yeda aprova esse post).

PS¹: Ganhei uma blusa de The O.C.
PS²: Conheci uns blogs que são do jeito que amo de coração.
PS: Descobri exatamente o que é feminismo e, consequentemente, descobri que sou uma feminista.
PS: Decidi que não vou ficar sem ler meu livros queridos com havia planejado no começo do ano, porque percebi que eles foram decisivos pra garantir minhas sucessivas notas 960 na redação do enem.
PS: Assisti "Grande menina, pequena mulher" pela milionésima vez e chorei como sempre. Adoro meus filmes queridinhos. 
PS: Fiquei triste por não escrever como algumas blogueiras geniais, mas aí fiquei feliz porque as leio e percebi quão parecidas somos, já que ás vezes elas parecem que tiraram uns posts da ponta da minha língua. (Assunto pra outro post).
PS: Descobri o cream cheese!!
PS: Assisti divergente.
PS: Hoje choveu e eu não tinha que acordar cedo.
PS: Morri de amores com o último episódio de hart of dixie.
PS: Engordei.

Enfim, esse foi o meu mês de março/abril. Mais uma postagem que vai mudar a vida de vocês. Beijos pra quem ainda aguenta ler esses posts cheios de informações úteis. 




11 comentários:

  1. Beatriz, sua empolgação nesse post chegou aqui do outro lado computador, acredita? Curta muito esse momento, é tão bom ficar com as coisas que acontecem ao nosso redor! E sua psicóloga super tem razão, quando a gente sorri pro universo, ele sorri de volta pra gente.
    :)

    ResponderExcluir
  2. Que delícia as coisas estarem mudando pra você... e de uma forma tão positiva! Adorei o post, cheio de animação e boas perspectivas. Que essa maré de coisas boas acontecendo continue o ano todo! \o/

    ResponderExcluir
  3. Oi moça, tomei coragem de comentar aqui, apesar de já acompanhar sua escrita há um tempo. Adoro essa facilidade pra falar de si..rsrs

    Sobre as saias longas: amo. Pra mim são fardas também. Passei um tempo achando que meu corpo simplesmente nao combinava com elas, mas hoje sei que não passam de neuras rs E uso sem pudor.

    Sobre Sexo sem Compromisso, só tenho duas coisas dizer: ASHTON E NATALIE <3 <3 <3 <3 <3 <3 <3 <3 <3

    Sobre Hart of Dixie: nao consigo. Essa temporada atual me deixou querendo morrer e eu simplesmente parei de assistir, porque tudo perdeu o sentido com a chegada do Joel. Desculpa humanidade, mas meu coração é Wade. E nem quero saber dos desdobramentos futuros porque não me desce :(

    rs.
    Enfim, acho que falei demais.
    Um beijo pra tu.
    Sorte aí.
    Continuo acompanhando.
    :*

    ResponderExcluir
  4. Ei Beatriz! Nunca tinha visto o seu blog, acabei de descobrir e adorei o clima empolgado do post. Confesso que a parte que me fez ficar mais feliz foi você ter descoberto o Creem Cheese! Não dá pra viver sem essa maravilha!! <3
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. aaa também tô estudando pro vestibular
    hoje de manhã foi dia de análise combinatória (kill me, pfvr)... mas que odioooooo dessa matéria que eu não consigo entenderrrrrrrrrrr.. eu entendo o bagulho, daí quando vejo é arranjo e não combinação, ou então é um raciocínio louco que eu nunca teria, sabe... aff... pior que eu gosto de matemática, mas essa parte é chata bagaraiiii

    tâmo quase na mesma, aliás
    minha situação financeira tá melhorando aos pouquinhos, mas ainda acho que vou precisar trabalhar pra ter uma economia guardada (e comprar o que eu quiséééé o/////)
    o foda é estudar pro vest e achar um emprego que não precise de mim aos sábados :/

    ps: tmb descobri o cream cheese recentemente! minha amiga fez um cheesecake de nozes com nutella, ENGORDEI SÓ VENDO

    www.pe-dri-nha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Ah mas eu fico tão feliz por você, do fundinho do coração, tu é uma das pessoas aqui das interwebs que eu mais me identifico, então sua felicidade é muito boa de ser vista
    E moça, chega mais aqui, me ensina a gostar de física? POR FAVOR

    Novembro Inconstante

    ResponderExcluir
  7. Eu odiaria ter 30 anos e ler um diário meu de hoje em dia. Se olho para minhas atitudes do ano passado e penso "porra, como eu era um idiota", daqui a 10 anos eu iria me odiar.
    Terapia é legal mesmo. Eu também vou arrumar um jeito de acabar voltando.
    Nunca vi sexo sem compromisso. Esse tipo de filme nunca me interessa.
    Mas vi Amelie Poulain, que é o filme da última imagem do seu post, serve? rs
    Eu curtia física. Apesar de raramente entender alguma coisa, eu achava puta fascinante. Mas admito que estou feliz por não ter mais que olhar pra cara dela.
    AH, é. E sutiãs de corujas devem ser legais. Eu pediria fotos, mas deixa pra lá.

    ResponderExcluir
  8. Que bom que a sua vida tá mudando... e pra melhor! Adorei sua iniciativa de ter um diário, me arrependo muito de ter jogado as minhas agendas de adolescente fora, e agora já me acho totalmente velha pra isso (shame on me).

    Champagne Supernova

    ResponderExcluir
  9. Que delícia de novidades! É tão bom se sentir confortável com nosso presente (e olha, isso raramente acontece comigo, mas quando acontece...) Eu adoro grande meninas, pequena mulher, e... saias longas. Tenho uma toda de renda (renda é vida) que deixa parecendo uma baiana mas foda-se, bato (no sentido de usar muito) ela mais do que não sei o quê. Boa sorte nos estudos!

    Beijos =*

    ResponderExcluir
  10. O que você sente por "Sexo Sem Compromisso" é exatamente a mesmíssima coisa que eu sinto por "Uma Prova de Amor"! Sou absolutamente louca por esse filme, tenho o DVD, assisti milhões de vezes e não consigo deixar passar quando ele é exibido na tv (apesar de ser uma droga a versão dublada). E af, sou apaixonada por saia longa e pensei que fosse a única que se sentisse dona do próprio nariz usando... Ela traz uma maturidade tão engraçada pra uma peça de roupa, né? hahahha, amo.
    Beijão.

    ResponderExcluir
  11. Uma futura medica que gosta de fisica...
    Interessante...

    ResponderExcluir